2 de nov de 2011

O caso do dedo cortado

ATENÇÃO! Causo com sangue e descrição de machucado. Se você é sensível, nem continue.
Aconteceu há quatro semanas atrás.

Eu estava preparando o almoço, picando alho quando, tchac, tchac, tchac, tchóc, acertei meu dedo...
- Ai! - gemi em tom de voz médio, tirando a faca do dedo e vendo o filete de sangue aparecer da unha (faltou pouco para tirar a lasca da unha e do dedo...).
O marido lá de fora, preocupado:
- Que aconteceu?
- Cortei o dedo. - disse calma, indo ao banheiro, o dedo pingando.
- Foi grave? - a voz lá de fora um pouco mais preocupada.
- Hum...médio. - respondi num resmungo enquanto via o pedaço de papel higiênico, que peguei para acudir, ensopando.
A voz foi ficando cada vez mais perto, marido conhece que tenho um parco senso de perigo:
- Se você disse médio, é porque foi grave...MEU DEUS! O que você foi fazer?
- Calma, é só um corte! Já estou pegando o medicamento para assepsia e o band-aid. - disse começando a ficar nervosa com o jeito atônito do marido.
- Você quase perde um pedaço da unha e do dedo!!!!!! Também, vai ficar imitando chef de cozinha cortando, você não é chef! Tem que se cuidar mais, eu fico muito preocupado quando algo acontece a você...
Ele esbravejando, porque realmente sente tudo o que acontece comigo, se preocupa mesmo...só que, enquanto ele falava, fui tomando consciência do problema e aí, de repente, a visão começou a escurecer, o ouvido zunir...comecei um desmaio, por causa da dor, do sangue e da preocupação. Sei lá porque isso, mas disse ao marido, enquanto encostava na parede e escorregava em câmera lenta ao chão:
- Lu... acho que...estou desmaiando... - a voz sumindo, minguadinha.
- Ôpa, calma! Não desmaia, não, eu seguro! - ele se abaixou rapidamente e me levantou no colo...PÁRA TUDO MINHA GENTE! O homem me ergueu no colo, a jabuti toda mole, perdendo os sentidos, nessa hora, deu um estalo e consegui pensar: "Mas ele me ergueu tão fácil!!!!!!!" Ah, o dedo estava cortado, sangrando, dor, mas eu tive um décimo de segundo de alegria, minha voz interior gritando: "Ele me pegou no colo, ele me pegou no colo! Emagreci! Emagreci!" Aí, desmaiei mais ainda, só para sentir aquela coisa de mocinha sendo salva pelo mocinho. Ele me sentou com delicadeza ao sofá, todo preocupado, os sentidos começaram a voltar:
- Você está melhor?
Respondi, fraquinha:
- Estou sim...já, já me levanto para fazer o curativo.
Estaria tudo bem, a cena perfeita de filme, se eu, por idiotice não tivesse soltado esta pérola e feito tudo parecer uma sitcom:
- Puxa, justo hoje que estava pensando em fazer as unhas...
- O QUÊ? ... - e levei outra bronca.

O final da história? Bem, fiquei com o corte aberto por duas semanas, usando um esparadrapo incômodo. Depois disso, o pedaço de unha caiu e agora, tudo está quase normal, a unha está com um formato ridículo mas em pouco tempo estará igual às outras, tenho mais cuidado com a faca. Mas eu emagreci, haha!

8 comentários:

  1. Ai amiga você é ótima, amei a descrição que fez do seu "acidente" com a faca... Confesso que dei umas risadinhas, desculpa, kkkk.
    Seu marido é um fofo, que lindo casal!
    Agora vê se toma mais cuidado com a faca, afinal você não é um chef de cozinha, ainda! kkk
    Bjos linda e se cuida.

    ResponderExcluir
  2. Que comédia...

    Grande beijo querida!!!

    ResponderExcluir
  3. Hahahahahahaha!
    Adorei, como sempre!
    Isso é o que eu chamo de tirar boas lições de tudo! rs
    Amiga, tem alguma receitinha aí de torta, bolo, qualquer coisa parecida de alho poró??
    Tô precisando!
    Bjks!
    Vc é demais!

    ResponderExcluir
  4. Respondendo pergunta:
    Ana Paula, a única coisa que sei de alho poró, é a sopa desintoxicante, que tem no livro mencionado no post anterior. Deve ter na internet, mas assim que der, compartilho.

    ResponderExcluir
  5. Você é a única pessoa que consegue fazer a gente rir contantdo uma coisa ruim, como o corte no dedo. emagreci, emagreci, enquanto desmaiava, foi ótimo, rs

    ResponderExcluir
  6. desmaiar contente porque emagreceu foi ótimo, rs

    ResponderExcluir
  7. Ahaha, me divirto com seus causos! Eu sou super durona pra qualquer machucado, ferida, fratura... Tenho que ser né, pela própria profissão! Mas quando em mim a coisa muda de história!!! A frieza vai pro ralo e em poucos minutos tudo escurece!!!

    Que bom que já está cicatrizando!!!
    Obrigada pelo carinho la no blog!

    Sua pastinha de ricota é um sucesso aqui em casa! E quanto ao chimichurri é um apanhado de vááários tempeiros que os uruguaios e argentinos usam pra marinar a carne de churrasco. Só que leva bastante azeite e tal. No caso da pastinha de ricota eu bati somente o sache dos tempeiros secos, sem azeite, junto com a ricota e o leite quase fervido no liquidificador. Ficou MARAAA, até meu namorido que não é chegado a ricota elogiou!!!

    Beijocas flor!

    ResponderExcluir
  8. nossaaaaaa q aventura, q bom q emagreceu ta poderosa hein! parabéns
    bjss

    ResponderExcluir

Tempere com seu pitaco: